Arquivo

Monthly Archives: Dezembro 2013

Carregar na imagem para ver em tamanho 1000 x 1543.

Critica-se a falta de profissionalismo do teatro em Portugal, que faz com que em meados de Setembro ainda não se saiba o que está agendado para o futuro.

Ilustração Portuguesa, No. 917, September 15 1923 - 23a

“Baralharam-se e confundiram-se os generos. A mesma companhia, no mesmo teatro, representa o drama, a comedia, a farça, em regra com os mesmos artistas, sendo dificil provar, discernir onde começa a arte e onde termina a industria. Os elencos constituem-se, amiude, em torno de um casal. Com quem? Com o que calhar! Todas as actrizes, todos os actores são genericos. Depois, como os repertorios surgem consoante o acaso é servido, as peças engrolam-se, ensaim-se a mata cavalos, interpretam-se, não raro, do avesso; o ponto passa a ser a providencia dos desmemoriados e dos que mal tiveram tempo para decorar, arreliando, simultaneamente, o publico com a sua gritaria, e a arte afunda-se na mais dolorosa e lamentavel miseria intelectual e moral que se tem visto.”

Carregar na imagem para ver em tamanho 1000 x 1551.

Realiza-se em Luanda a Exposição Agrícola, Pecuária e Industrial.

Nas imagens: o edifício da Secretaria da Agricultura; a secção de maquinaria; e o pavilhão da exposição de algodões.

“Ha ainda a notar que, tendo coincidido a Exposição de Angola com a realisação do 1º Congresso de Medicina Tropical da Africa Ocidental, excelente oportunidade se proporcionou aos muitos e categorisados hospedes de Loanda, membros d’aquele Congresso, de avaliarem o grau de adeantamento industrial da florescente provincia.”

Carregar na imagem para ver em tamanho 1000 x 1543.

Realiza-se em Luanda a Exposição Agrícola, Pecuária e Industrial.

Nas imagens: o recinto dos pavilhões, os mostruários, e um touro de Gomes & Irmão.

“Madeiras lindissimas, cafés, algodões, fibras vegetaes, frutas, cereaes, tabacos, ceramicas, oleos, sabões, objectos gentilicos, maquinaria, parques de gados, toda uma infinidade de manifestações, que nos dizem o que hoje já vale este torrão longinquo, campo prodigioso aberto ás mais belas iniciativas.”

Carregar na imagem para ver em tamanho 1000 x 1528.

Mildred Harris divorcia-se de Charlie Chaplin para casar com um grande capitalista. Helene Chadwich colecciona os telegramas que recebe dos fãs. A completista espanhola Pilar Conde é condecorada com Suprema Assembleia da Cruz Vermelha Espanhola, pelas suas obras de caridade a favor dos soldados de Melilla.

Na foto, cena do filme português “Sereia de Pedra”, pela directora Virginia de Castro e Almeida, com os actores Emília Branco e Artur Duarte. Carregar na imagem para ver em tamanho 645 x 674.

Ilustração Portuguesa, No. 917, September 15 1923 - 19a