Ilustração, No. 120, Natal, Dezembro 16 1930 – 33

Ilustração, No. 120, Natal, Dezembro 16 1930 - 33

Carregar na imagem para ver em tamanho 1092 x 1497.

“O Que Fez um Olhar de El-Rei”, tragédia doméstica por Eduardo Zamacois, conto ilustrado por A. Duarte de Almeida.

Ilustração, No. 120, Natal, Dezembro 16 1930 - 33b

Ilustração, No. 120, Natal, Dezembro 16 1930 - 33a

“Cármen (Atalhando) – Um rei brilha mais que todos os tenores, que todos os toureiros e todos os artistas juntos.

LOPES – Mas considera que os tronos são uma herança e o que se herda não supõe mérito, mas fortuna.

CÁRMEN – Que importa?… (Com inspiração repentina) Tu conheceste minha mãe quando era nova! Dizem que era bonita…

LOPES – Uma beleza!

CÁRMEN – E se eu, como também dizem, me pareço com ela, é falta de mérito para mim que essa beleza não nascesse comigo, mas tivesse sido herdada? O essencial é ser bela, não é verdade?…; pois bem: o essencial é ser rei.”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: