Ilustração Portugueza, No. 466, Janeiro 25 1915 – 4, 5

Ilustração Portugueza, No. 466, January 25 1915 - 4

Carregar na imagem para ver em tamanho 1234 x 1848.

“Alma Varonil”, conto de Hilda Nield, ilustrado por Stuart de Carvalhais.

“Os dois homens sentaram a creança entre si; um tomou o governo do carro e o outro, vigiando Godofredo, avisou-o do que lhe sucederia se tentasse atrair a atenção de alguem, o que aliás seria quasi impossivel com a velocidade que o carro adquirira. Além de que, Godofredo sentia que era preciso estar com os seus detentores porque emquanto ali estivesse sabia que os documentos estavam em segurança, e não faria qualquer tentativa para fugir.”

Ilustração Portugueza, No. 466, January 25 1915 - 5

Carregar na imagem para ver em tamanho 1265 x 1897.

“Um pensamento instantaneo atravessou o espirito de Godofredo Heriot. Lembrou-se de que aprendera brincando e fixára melhor que qualquer outra coisa o alfabeto de Morse. Se… (…)

Com mão tremula mas vigorosa retiniu:

‘Salve-me. Sou filho do general Heriot. Estes homens roubaram os seus papeis. Ignoro para onde me levam. Se…’

Não poude acabar. (…) um d’eles arrancou a colher da mão de Godofredo, exclamando furioso:

– Estás a fazer sinais! Muito bem, meu rapaz…”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: