Ilustração, No. 109, Julho 1 1930 – 36, 37

Ilustração, No. 109, July 1 1930 - 36

Carregar na imagem para ver em tamanho 993 x 1512.

“Teoria do Galego”, crónica satírica por W. Fernandes Flores, ilustrada por Tomás de Melo (Tom).

“- O meu verdadeiro ódio, um ódio inextinguível, vai contra os fumadores de charutos de chocolate. O reporter abriu os olhos com assombro. – Existe alguém que fume charutos de chocolate? – Infelizmente, existe – corroborei, fingindo grande mágua ; eu sei de alguns amigos meus que praticam êsse vício nefando. – É possível?… – Adquiriram êsse hábito nos bancos da escola e não o podem abandonar. O senhor bem sabe que o menino e o pepino…”

Ilustração, No. 109, July 1 1930 - 37

Carregar na imagem para ver em tamanho 964 x 1504.

“- Os galegos andam constantemente em tamancos pelas suas ruas empedradas, fazendo tanto ruído que tôda a gente se queixa de dôres de cabeça. Podem dividi-los em dois grandes grupos: um, o dos guardanocturnos, e o outro, o dos aguadeiros. Os guardanocturnos ganham a vida abrindo as portas aos aguadeiros, e os aguadeiros, levando água aos guardanocturnos.”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: