Arquivo

Às Jovens Mães

Às Jovens Mães, 1960s - 38

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1105.

Publicidade aos produtos Eledon (com e sem hidratos de carbono) e Arobon, com farinha de alfarroba, da Nestlé.

O que não fazer durante a gravidez e após o nascimento da criança.

“Tomar álcool durante a gravidez ou durante a amamentação.

Embalar a criança para a fazer adormecer; ou meter-lhe uma chupeta.

Não meta a criança na sua cama quando está a gritar.

Não espere que adormeça para a meter na caminha.

Evite que tenha demasiada luz no rosto quando está a dormir.

Não pense que, se deixar chorar o bébé, lhe pode provocar uma quebradura.”

Às Jovens Mães, 1960s - 34

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1093.

Publicidade às papas da Nestlé, nomeadamente a Farinha Láctea Nestlé.

Às Jovens Mães, 1960s - 34a

Às Jovens Mães, 1960s - 35

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1097.

Publicidade às papas lácteas com Sinlac e Nido, da Nestlé.

“A papa, a partir do 6º mês, é dada à colher, como todos os outros alimentar ulteriormente introduzidos no regime, da maneira demonstrada na figura nº 36.

Deve-se acostumar o bébé à colher o mais cedo possível, pois quanto maior for a demora em fazê-lo, tanto mais difícil será a adaptação a este novo modo de alimentação.”

Às Jovens Mães, 1960s - 28

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1075.

Publicidade ao Nestogeno e ao Pelargon, da Nestlé.

Às Jovens Mães, 1960s - 28a

“Os Pediatras verificaram que, por meio da acidificação, o leite de vaca se torna perfeitamente digerível, sem que haja necessidade de o diluir como normalmente se está praticando.

A preparação dum leite acidificado a partir do leite fresco, não é uma operação fácil. A acidificação tem de ser rodeada de todo o cuidado e feita com a maior precisão.”

Às Jovens Mães, 1960s - 29

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1074.

Como preparar o Pelargon, da Nestlé.

Às Jovens Mães, 1960s - 26

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1078.

Como preparar o leite para o bébé, com publicidade à Nestlé.

“Deve-se ter a maior cautela em não superalimentar o bébé. Não se imagine que uma criança ‘assoprada’ tenha melhor saúde do que uma criança com uma nutrição regular. A superalimentação acaba sempre por trazer sérias perturbações de saúde.”

Às Jovens Mães, 1960s - 27

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1098.

Publicidade ao Nestogeno da Nestlé.

Às Jovens Mães, 1960s - 24

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1096.

O plano de alimentação do bébé: do nascimento até 3 semanas; 3ª e 4ª semanas até ao fim do 5º mês; a partir do 6º mês; a partir do 7º mês; e de 1 ano até adulto. Publicidade à Nestlé.

“Quanto é possível, alimenta-se a criança a leite da mãe. No caso de este faltar, recorre-se a um dos leites Nestlé (indicam-se adiante as tabelas para o emprego de cada qualidade de leite). Sobre este assunto convém consultar o médico.”

Às Jovens Mães, 1960s - 25

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1094.

Publicidade ao leite condensado açúcarado Nestlé.

Às Jovens Mães, 1960s - 25a

Às Jovens Mães, 1960s - 22

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1092.

Desmame, alimentação a biberão, o biberão e a tetina, e como dar o biberão. Publicidade à Nestlé.

“Maneira de dar o biberão Verifique, para começar, se a refeição tem a boa temperatura. Para tal, agite o biberão, leve-o em seguida à sua cara ou ao seu antebraço (face interior), ou ainda deixe caír algumas gotas do líquido sobre o dorso da mão, sem nunca pôr em contacto a sua boca com o gargalo ou a tetina para provar.”

Às Jovens Mães, 1960s - 23

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1098.

Escolha do leite para a alimentação do bébé, e plano de alimentação. Publicidade à Nestlé.

“Para o seu filho coisa alguma é demasiado pura. O leite que se lhe dá deve ser de qualidade garantida, de pureza bacteriológica absoluta, de composição constante e perfeita digestibilidade. Os leites de marca Nestlé têm todos esses requesitos.”

Às Jovens Mães, 1960s - 20

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1112.

Aleitamento materno: regime alimentar da mãe-ama.

“Nenhum alimento vale o leite da mãe. A criança que é alimentada ao seio, mesmo quando esta forma de alimentação seja auxiliada, tem muito mais probabilidades de escapar às doenças que as crianças amamentadas a leite de vaca.”

Às Jovens Mães, 1960s - 21

Carregar na imagem para ver em tamanho 1500 x 1098.

Outras regras de higiene geral: higiene dos seios, maneira de dar o seio, número de refeições e quantidade de leite, e aleitamento misto.

“Se a mãe não pode amamentar a criança por completo, tem de recorrer-se ao leite de vaca, dado a biberão. Todavia, é preferível dar-lhe algum seio, em todas as refeições, e completar depois a alimentação com o biberão. O seio tem, assim, menos probabilidades de diminuir.”